News

As almas perdidas da Síria – Parte 1

A luta pela justiça para os civis alegadamente mortos pelo governo sírio começa nos tribunais, utilizando os “ficheiros César”.

Cerca de 27 mil fotos de detidos civis mortos e torturados foram contrabandeadas para fora dos arquivos secretos do governo sírio por um desertor militar de codinome “César” e tornadas públicas em 2014. Elas foram apresentadas às Nações Unidas como prova do assassinato de 11 mil pessoas pelo regime de Bashar al-Assad. detidos civis numa única região entre Março de 2011 e Agosto de 2013. Após a busca por justiça não ter conseguido produzir quaisquer processos, as famílias das vítimas recorreram aos tribunais na Europa.

Esta série documental em duas partes, As Almas Perdidas da Síria, acompanha dois casos durante mais de cinco anos – um em Espanha, onde uma mulher identifica o seu irmão como um dos corpos das fotografias de César, e outro em França, onde um cidadão com dupla nacionalidade ajuda seu advogado a investigar o desaparecimento de seu irmão e sobrinho. O filme traz depoimentos de César e seu cúmplice, “Sami”.

Source link

Related Articles

Back to top button